Planeta Azul

Nascer, morrer, renascer ainda e progredir sempre, tal é a lei. Allan Kardec

a bolsa básica e funcional que possa ser utilizada nas mais variadas situações? Então não deixe de acompanhar nosso texto, pois ao longo dele traremos várias sugestões para que você possa criar sacolas jeans sem gastar muito e por meio de um passo a passo simples. Confira as dicas e não deixe de colocá-las em prática.

Sacola Jeans

Sacola Jeans

Sacola com Pernas de Calça Jeans

Materiais Necessários

  • Pernas de calça jeans velha
  • Tesoura
  • Linha ( escolha as cores que você preferir)

Como Fazer

  • Pegue as pernas da calça jeans e corte dois retângulos de tecido de 35×40 cm.
  • Em seguida, corte duas tiras de 5 cm de comprimento para servir como alça.
  •  Costure as bordas das alças juntas, vire do lado certo e passe o ferro por alguns segundos.
  • Partindo dessa etapa, dobre o retângulo jeans em três partes e marque as duas dobras do lado avesso.
  • Costure os dois retângulos ao longo dos lados maiores e um dos menores.
  • Dobre e costure os cantos para dentro e alinhe bem as costuras, de modo que os cantos fiquem com um acabamento perfeito.
  • Finalize dando o acabamento das alças e fixando-as na bolsa.

Imagem de Amostra do You Tube

Sacola Jeans

Na primeira opção você conferiu como fazer uma bolsa utilizando as pernas de uma calça jeans. No entanto, a partir de agora você verá como aproveitar o restante da calça.

Materiais Necessários

  • Gancho de uma calça jeans
  • Gancho de metal
  • Argola metálica
  • Tesoura
  • Linha
  • ziper

Como Fazer

  • Retire o gancho de uma calça jeans e com o que sobrar corte dois retângulos, um que servirá para colocar na abertura da bolsa e um para fazer as alças da bolsa. Os retângulos deverão ter as seguintes medidas: 7cm x 50 cm ( abertura da bolsa)  e 12 cm x 50 cm ( alças).
  • Para a base da bolsa costure a parte que foi cortada, ou seja, de onde as pernas da calça foram retiradas. E para a parte superior, retire o retângulo que foi separado para abertura, costure o zíper e fixe na parte superior da bolsa, próximo ao botão da calça.
  • Para fazer as alças, pegue as partes que foram cortadas anteriormente e costure a alça pelo lado avesso, virando em seguida para o lado direito.
  • No caso das argolas, separe dois pedaços de tecido de 20 cm e reserve os 50cm que sobrarem para a extensão das alças.
  • Finalize passando as tiras pela argola e costurando-as na parte lateral da bolsa. Em seguida, coloque em um dos extremos da tira a argola e no outro o gancho.

Sacola Feita de Tecido Jeans

A próxima opção é um modelo que pode ser feito tanto com aquele jeans velho que você tem em casa, como com um pedaço de tecido jeans, que pode ser encontrado em lojas de tecido por preços bem acessíveis.

Materiais Necessários

  • Tecido jeans
  • Velcro
  • Linha
  • Tesoura
  • Retalhos de tecido

Como Fazer

  • Inicie cortando o tecido jeans na medida que você quiser. Sua bolsa poderá tanto ter um formato quadrado, quanto um formato retangular.
  • Em seguida, costure as duas partes da bolsa deixando a parte superior aberta.
  • Então, costure o velcro na bolsa, pois é ele que fechará a sua bolsa e a deixará protegida.
  • Agora chega o momento de fazer as alças da bolsa, que poderá ser feita com um tecido de outra cor ou com o próprio jeans.  A alça poderá ser da medida que você preferir, ou mesmo da medida do modelo da bolsa sugerida anteriormente ( 12 cm x 50 cm).
Vários Modelos

Vários Modelos

  • Corte duas partes para fazer as alças, junte-as, costure-as e depois de uni-las, costure-as novamente, mas nesse caso nas extremidades da bolsa.
  • Para finalizar, alguns detalhes poderão decorar a sua bolsa e deixá-la bem customizada. Para isso, você poderá cortar um quadrado de tecido, no tamanho que preferir, e costurá-lo na parte da frente da bolsa, para que fique como uma espécie de bolsa. A costura do bolsinho ficará bem diferenciada se for feita em zig zag.
  • Para dar um toque ainda mais especial sobre a sua bolsa, você poderá colocar alguns botões, fuxicos, lantejoulas, ou o que você preferir para complementar a decoração do bolsinho.

Sacola Jeans com Alça Acrílica

A última opção é um modelo mais informal e super diferenciado. Confira a partir de agora a lista de materiais necessários e todo o passo a passo.

Materiais Necessários

  • Calça jeans usada
  • Tecido para forrar a bolsa
  • Alça acrílica
  • Linha
  • Tesoura

Como Fazer

  • Recorte as pernas da calça jeans na altura do gancho, ou seja, mais ou menos 10 centímetros abaixo do zíper. Em seguida, abra toda a costura.
  • Após abrir as costuras, sobreponha-as e costure novamente.
  • Para acertar a peça, de modo que ela fique bem reta, coloque a calça do lado avesso e faça uma costura reta para fechar.
  • Com as medidas da bolsa, marque o forro e corte-o. Então, costure as laterais do tecido e na barra superior faça uma barra.
  • O forro deverá ser fixado com uma costura reta ou com pontos invisíveis manuais, mas isso só deverá ser feito quando o forro estiver bem fixado com o auxílio de alfinetes.
  • Então, faça quatro tiras com tecido, costure-as nas extremidades da bolsa, encaixe as alças acrílicas e finalize costurando as tiras em formato de argolas, de modo que as alças fiquem bem presas à bolsa.

Além das quatro opções que você pode conferir em nosso post, na internet há diversos sites especializados em artesanato que trazem excelentes dicas. Além disso, você pode conferir apenas imagens de sacolas confeccionadas com tecido jeans, para que tenha mais inspiração na hora de criar e decorar as suas peças. As sugestões vão desde modelos extremamente simples, até alguns modelos mais elaborados, que podem ser usados para os mais diversos fins.

Exibições: 3342

TRANSLATOR

Google Tradutor

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to Italian

PLANETA AZUL:

 

Rede criada por:

 

* Heloisa Ignacio

Lydia Michalick

* Tanise Scheibe

 

Administração:

*Dete Gusson

* Ely Souza

   * *Nilson* *      

Membro destaque e colaborador especial da Rede

Planeta Azul

 

Coordenadora geral do Chat

* Ely Souza

Colaboradores de Estudos no Chat

* Dete

* Ely Souza

*Márcia Edileusa

 

Membros

Últimas atividades

Posts no blog por Nilza Garcia Martins
27 minutos atrás
Heloisa Ignacio deu um presente para ramize
28 minutos atrás
Heloisa Ignacio deixou um comentário para ramize
29 minutos atrás
Heloisa Ignacio deixou um comentário para ramize
"Somos uma familia,que bom que você veio fazer parte dela estamos muito felizes com a sua…"
30 minutos atrás
Ícone do perfilramize e Ruzia Santos entraram em Planeta Azul
33 minutos atrás
ramize curtiram a discussão A Alma após a Morte. de Heloisa Ignacio
2 horas atrás
ramize curtiram a discussão A Alma após a Morte. de Heloisa Ignacio
2 horas atrás
Heloisa Ignacio comentou a postagem no blog Plantando sementes pela vida. de Heloisa Ignacio
3 horas atrás
Heloisa Ignacio respondeu à discussão Os Espíritas e as Eleições. de Heloisa Ignacio
3 horas atrás
Heloisa Ignacio curtiram a discussão Os Espíritas e as Eleições. de Heloisa Ignacio
3 horas atrás
Heloisa Ignacio postou discussões
3 horas atrás
Heloisa Ignacio curtiram a discussão A Alma após a Morte. de Heloisa Ignacio
3 horas atrás
Heloisa Ignacio adicionou uma discussão ao grupo Vamos Estudar?
Miniatura

A Alma após a Morte.

 No instante da morte a alma volta a ser Espírito, ou seja, retorna ao mundo dos Espíritos, que ela…Ver mais...
3 horas atrás
Heloisa Ignacio curtiram a discussão Mensagens de André Luiz. de Heloisa Ignacio
3 horas atrás
Heloisa Ignacio curtiram a discussão Em destaque João Nunes Maia - o médium da fórmula da pomada Vovô Pedro de Heloisa Ignacio
3 horas atrás
Heloisa Ignacio adicionou uma discussão ao grupo Personagens do Espiritismo
Miniatura

Em destaque João Nunes Maia - o médium da fórmula da pomada Vovô Pedro

Da Redação do Correio Fraterno do ABCPara prestarmos tributo a esse seareiro espírita, editamos a…Ver mais...
3 horas atrás
Heloisa Ignacio curtiram a discussão Por que os médicos hoje acreditam que a fé cura? de Heloisa Ignacio
3 horas atrás
daniel wisniewski curtiram a discussão Os espíritos elevados não possuem necessidades matérias. de Heloisa Ignacio
3 horas atrás
Heloisa Ignacio comentou o grupo Evangelho no Lar de Tanise Scheibe
"O Estudo do Evangelho no Lar Antônio Devanir Leite O diálogo, como instrumento de…"
3 horas atrás
Heloisa Ignacio deixou um comentário para Anna Maria MMiranda
4 horas atrás




Você é a favor do Aborto?
Não
Não sabe/Prefere não opinar
Sim





 

 

 

 

 

Rosácea

Este símbolo nos foi entregue pelos Servidores da Luz, Irmãos Superiores da Confederação Intergaláctica, Seres Luminosos em serviço amoroso ao Planeta Terra.

É um portal de entrada a Dimensões Superiores, que tem por finalidade ser usado como um “escudo de proteção energética”, irradiando luz no lugar onde se encontre.

Coloque esta Rosácea em um lugar preferido de sua casa ou local de trabalho, com todo o amor de seu coração e ela atuará protegendo energeticamente este local.

Permaneça também observando a Rosácea durante alguns minutos ao dia até sentir que ela pulse dentro de seu coração, e ela servirá como grande proteção para quem a contenha dentro de si.

Lembre-se que a Rosácea está em movimento circular constante em sentido-horário e cada vez que olhar para ela visualize este movimento no desenho.

Você poderá enviar este amoroso presente a toda pessoa que quiser.

FRATERNIDADE IRMÃOS NO AMOR E A ÉTICA

(Sempre que você enviar este símbolo a alguma pessoa estará, junto conosco, distribuindo por toda Nossa Terra, Luz, Paz e Fraternidade.)

 

EU SOU um ser de Luz Violeta! EU SOU o Amor que DEUS deseja!"

Fixe seus olhos na Chama Violeta, visualize o seu corpo dentro dela, a chama violeta penetra no seu corpo. A chama violeta se expande, se expande, se expande cada vez mais, transmutando e purificando tudo em nós e à nossa volta que não seja paz , equilíbrio, bem-estar, amor, harmonia e luz.

 

 

 

CHAMA VIOLETA

Temos à nossa disposição um instrumento que quando utilizado nos liberta de carmas do passado, nos possibilitando retornar a Luz, rumo a ascensão, evidentemente, que é necessário alguns avanços espirituais antes de aplicarmos a chama violeta com esta intenção. Mas o simples fato de podermos transmutar as energias negativas acumulados em nossos corpos inferiores, já é um grande avanço.

Saint Germain disse:

"O uso da chama violeta consumidora é mais valioso para você e para toda a humanidade do que toda a riqueza, todo o ouro, todas as jóias do planeta"

A Chama Violeta é uma forte e poderosa chama que TRANSMUTA tudo em nós e à nossa volta que não seja paz, amor e harmonia, a Chama Violeta é o Fogo Purificador, a Chama da Transmutação.

A cor violeta é a cor máxima da espiritualidade, é a freqüência máxima de vibração e ela pode ser utilizada como exercício de visualização diária para nos re-equilibrarmos e equilibrarmos tudo à nossa volta, transmutando tudo em Perfeição, Paz, Libertação, Luz e Amor Universal.

A chama violeta é a essência do Sétimo Raio, é como um raio de sol passando através de um prisma é refratado nas sete cores do arco-íris, assim também a luz se manifesta nos sete raios. Cada raio tem uma cor, freqüência e qualidade específica da consciência de Deus. O raio violeta é conhecido como o sétimo raio. Quando você o invoca, em nome de Deus, ele desce como um raio de energia espiritual, explodindo numa chama espiritual, em seu coração, com as qualidades de misericórdia, perdão, justiça, liberdade e transmutação.

DIREITOS DA CRIANÇA!

1º Princípio – Todas as crianças são credoras destes direitos, sem distinção de raça, cor, sexo, língua, religião, condição social ou nacionalidade, quer sua ou de sua família.

2º Princípio – A criança tem o direito de ser compreendida e protegida, e devem ter oportunidades para seu desenvolvimento físico, mental, moral, espiritual e social, de forma sadia e normal e em condições de liberdade e dignidade. As leis devem levar em conta os melhores interesses da criança.

3º Princípio – Toda criança tem direito a um nome e a uma nacionalidade

4º Princípio – A criança tem direito a crescer e criar-se com saúde, alimentação, habitação, recreação e assistência médica adequadas, e à mãe devem ser proporcionados cuidados e proteção especiais, incluindo cuidados médicos antes e depois do parto.

5º Princípio - A criança incapacitada física ou mentalmente tem direito à educação e cuidados especiais.

6º Princípio – A criança tem direito ao amor e à compreensão, e deve crescer, sempre que possível, sob a proteção dos pais, num ambiente de afeto e de segurança moral e material para desenvolver a sua personalidade. A sociedade e as autoridades públicas devem propiciar cuidados especiais às crianças sem família e àquelas que carecem de meios adequados de subsistência. É desejável a prestação de ajuda oficial e de outra natureza em prol da manutenção dos filhos de famílias numerosas.

7º Princípio – A criança tem direito à educação, para desenvolver as suas aptidões, sua capacidade para emitir juízo, seus sentimentos, e seu senso de responsabilidade moral e social. Os melhores interesses da criança serão a diretriz a nortear os responsáveis pela sua educação e orientação; esta responsabilidade cabe, em primeiro lugar, aos pais. A criança terá ampla oportunidade para brincar e divertir-se, visando os propósitos mesmos da sua educação; a sociedade e as autoridades públicas empenhar-se-ão em promover o gozo deste direito.

8º Princípio - A criança, em quaisquer circunstâncias, deve estar entre os primeiros a receber proteção e socorro.


9º Princípio – A criança gozará proteção contra quaisquer formas de negligência, abandono, crueldade e exploração. Não deve trabalhar quando isto atrapalhar a sua educação, o seu desenvolvimento e a sua saúde mental ou moral.


10 º Princípio – A criança deve ser criada num ambiente de compreensão, de tolerância, de amizade entre os povos, de paz e de fraternidade universal e em plena consciência que seu esforço e aptidão devem ser postos a serviço de seus semelhantes.


Rede direcionada a divulgação da Doutrina Espírita

© 2014   Criado por Tanise Scheibe.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço